"Para ser bela, pára um minuto diante do espelho, cinco minutos diante da sua alma e quinze minutos diante do SENHOR"

Emagreça com um jantar magrinho


Dicas para driblar a fome noturna e perder alguns quilinhos sem deixar de fazer a última refeição do dia

Fome sob medida

Você já deve ter ouvido aquele velho ditado que diz: "Devemos fazer um café-da-manhã de rei, um almoço de príncipe e um jantar de mendigo". Pois acredite: a sabedoria popular tem toda a razão! Segundo a nutricionista Mônica Inez Jorge, de São Paulo, evitar os carboidratos e as gorduras no jantar pode ajudar a emagrecer. Basta organizar seu cardápio. Só não vale deixar de comer.

Não durma com fome
Ir para a cama de estômago vazio só irá prejudicar o seu sono - e aumentar as chances de um desastroso ataque à geladeira. Além disso, seu metabolismo vai ficar comprometido. Prefira comer um alimento leve do que não comer nada. Boas opções são uma fruta, uma sopinha de legumes ou uma torrada integral com requeijão light.

Corte os carboidratos
Depois das 18h, evite doces, biscoitos, arroz, batata, pão e massas. Esses são alimentos com uma quantidade muito grande de calorias para o período noturno. Isso porque nesse horário o metabolismo do corpo diminui, o organismo funciona mais lentamente e a queima de energia é pequena. O ideal é combinar uma carne magra (boi, peixe ou ave) e uma porção de legumes e verduras à vontade.

Substitua os alimentos
Se você evitar os carboidratos à noite, substitua-os por alimentos que oferecem nutrientes importantes. Experimente uma sopa de lentilhas, ervilhas, legumes e verduras - e nada de incrementá-la com carnes gordurosas, como lingüiça. Quem não faz questão de uma refeição quente pode consumir um copo de leite semidesnatado ou duas fatias de queijo branco.

Aposte nos integrais
Está difícil abandonar os pães à noite? Então consuma as versões integrais, que têm grande quantidade de fibras. Por isso, você ficará mais satisfeita e, conseqüentemente, com menos vontade de comer.

Não coma por obrigação
Confesse: nem sempre você tem uma fome de leão à noite, mas acaba enchendo o prato no embalo da família reunida, não é verdade? Comer por obrigação ou por distração é um erro fatal, especialmente durante o jantar. Sente-se à mesa com todos, mas controle a quantidade e a qualidade dos alimentos consumidos.

Faça lanches durante o dia
Coma frutas, gelatina light ou barrinhas de cereais nos intervalos entre as refeições. Mesmo que o valor calórico dos alimentos seja baixo, o corpo irá perceber que está sendo constantemente alimentado. Por isso, ele não irá reclamar de um jantar mais modesto.

Nada de guloseimas
Todo o esforço de balancear a alimentação no jantar pode ir por água abaixo se, na hora de assistir à novela, você beliscar alguma guloseima. Controle-se comendo uma cenoura crua, cortada em palitos.

1 comentários:

Murilo disse...

gostei bastante, simples e educativo