"Para ser bela, pára um minuto diante do espelho, cinco minutos diante da sua alma e quinze minutos diante do SENHOR"

SEMPRE ATUAL


Os quatro itens essenciais do guarda-roupa ganham releituras na temporada para atualizar seu visual com elegância.

Saia

O corte do tipo evasê, em linha a, é repaginado com o toque natural do linho e do algodão rústico. Popular desde 1930, ele serve a todos os corpos.


Dia

“Combine com camisas de seda ou algodão para compor uma produção de trabalho sofisticada”, ensina a consultora de imagem Fernanda Damy. Confeccionada com linho encerado, ela amassa menos e fica casual.

Noite
Adicione estampas e brilhos para valorizar a peça no look noturno. O glamour aparece nas versões de crepe de seda ou cetim. Invista na gola fechada para disfarçar ombros largos e equilibrar as proporções do corpo.

Blazer

A modelagem da vez tem barra na cintura e lapela larga, detalhes que modernizam o item masculino, adotado pelas mulheres na década de 1920.

Dia
O novo comprimento pede cores próximas entre si para evitar o contraste em linhas horizontais, que achatam a silhueta. A blusa alegre destaca a parte de cima do corpo – uma opção perfeita para quem tem quadris salientes

Noite

O blazer curto é o hit do momento e substitui o casaqueto até para os estilos mais tradicionais. Use-o também com o padrão risca-de-giz ou tons como o vermelho. Arremate com escarpins e pérolas, que nunca saem de cena

Calça capri

As capris ressurgem com cara de alfaiataria para o calor. Soltas nos quadris e com pernas curtas e afuniladas, elas fazem sucesso desde 1950.

Dia

Feita de materiais como sarja, linho e até anarruga, ela vai do ambiente de trabalho aos passeios casuais com praticidade. “Essa peça é charmosa e ótima para usar com sapatilhas e sandálias abertas”, ensina a consultora

Noite

O mix de texturas, entre renda, camurça e croco, garante o refinamento para festas sociais e jantares com amigos. A dica da consultora é escolher acessórios neutros, como sapatos nude, para alongar as pernas sem criar contrastes.

Vestido

A nova versão do tubinho, criado pelo estilista Yves Saint Laurent nos anos 1960, tem gola degagê e corte solto, que não marca as formas.

Dia

“A cor champanhe é um investimento para o verão, pois ilumina e vai bem com diversos tons de pele”, comenta Fernanda. A sobreposição com cardigã estampado é divertida e acrescenta personalidade às profissionais liberais

Noite

O decote fluido deixa o colo à mostra de forma discreta, mas deve ser evitado por mulheres de seios grandes para não aumentar o volume da área. Se preferir, adicione um ponto de cor com carteiras coral ou pink

Fonte: Revista Manequim

0 comentários: