"Para ser bela, pára um minuto diante do espelho, cinco minutos diante da sua alma e quinze minutos diante do SENHOR"

Iluminando a Face!!


Técnicas como o contorno só reforçaram que o iluminador não deixará de ser item indispensável na maquiagem tão cedo -- e a tendência da vez é brilhar, brilhar, brilhar! 

O Iluminador é a peça chave para realçar qualquer tipo de maquiagem. Cada tipo de pele pede um iluminador específico

A maioria das brasileiras tem a pele mista ou oleosa. Para combater o problema, aplique o pó translúcido apenas nas áreas do rosto que têm tendência a ficarem brilhosas, já que ele pode acentuar poros dilatados. Evite iluminadores cremosos, mas aposte nas versões em pó, gel ou líquida com textura aveludada para as têmporas e o canto interno dos olhos. A "zona T", região mais oleosa do rosto, não deve receber o produto.

Já para quem tem a pele seca, a melhor opção é o iluminador em creme ou líquido. Uma dica é acrescentar algumas gotas do item ao hidratante facial. A mistura garantirá um efeito radiante de maneira uniforme em todo o rosto, sem acentuar nenhuma falha, ao mesmo tempo em que disfarça linhas de expressão e manchas na pele. Não tenha medo de sobrepor diferentes produtos para conquistar um acabamento mais luminoso à maquiagem.


Linhas de expressão e espinhas exigem mais atenção

Quem tem marcas de expressão ao redor dos olhos deve tomar mais cuidado ao usar o iluminador. Antes de aplicar o artifício, é fundamental preparar a pele da região com um produto específico para suavizar sua textura e prevenir que a maquiagem se acumule nas linhas, o que iria evidenciá-las. Invista em um iluminador cremoso abaixo das sobrancelhas e no canto interno dos olhos, e evite as áreas propensas a rugas para não acentuá-las.






0 comentários: