"Para ser bela, pára um minuto diante do espelho, cinco minutos diante da sua alma e quinze minutos diante do SENHOR"

Escolha o seu Chapéu

Minha Amiga Nayara, do blog xeretando na cozinha, pediu dicas de Chapeus. Entao la vai amiga!

Um acessório que andei reparando que não sai(literalmente) da cabeça dos estilosos do momento: é o chapéu.
Ele pode ser usado durante todo o ano, mas atualmente virou febre entre fashionistas e celebridades. O chapéu tem tanto senso de humor quanto de formalidade. Pode vestir sublime ou, no descuido, parecer caricato. Em primeiro lugar, avalie o tamanho do rosto e do corpo. Isso é fundamental.

Nas passarelas da Europa, grandes nomes como Armani, Prada e Marc Jacobs lançaram uma releitura própria do adorno.Nos países tropicais como o Brasil, além da questão estética, o chapéu tem também a função de proteger do sol.
Neste verão, os modelos ressurgem com um toque moderno, em diferentes formas, cores e materiais e para ocasiões variadas.
Branco, lilás, verde, amarelo, laranja, rosa e azul são algumas das cores que estampam o acessório nessa estação.
O branco é neutro e ideal para aplicações em flores coloridas em tecido de chita ou mais rústico, broches e fitas.

A tendência de customização personaliza o chapéu ao estilo de cada pessoa.Na hora de optar pelo acessório, é bom prestar atenção em alguns detalhes, tais como o local e o horário do evento e até mesmo o tipo físico da pessoa.
Confira algumas dicas de acordo com o formato do rosto:
Rosto oval: Chapéu com aba e copa proporcionais;
Rosto triangular: Chapéu com aba e copa menores;
Rosto alongado: Chapéu com copa média e baixa. Copa alta ou muito alta, não é indicado;
Rosto quadrado: Chapéu com copa alta e aba mais larga;
Rosto arredondado: Chapéu com copa média ou alta e aba proporcional.

Algumas dicas:
Rostos graúdos e corpo pesado não combinam com chapeuzinhos pequenos, gorros e boinas apertados. Caras miúdas somem se o acessório é muito vistoso. Para um perfeito equilíbrio, bom senso e a prova em frente do espelho são a melhor receita para o chapéu ideal.
Não tente combinar o chapéu com a roupa. Vai parecer figurino da Rainha da Inglaterra. Eles funcionam melhor como ponto de contraste nas cores ou texturas com o que se veste. Para uma ocasião elegante é importante provar a roupa com o chapéu para sentir o efeito total.
Contraste também com o formato de rosto: formas arredondadas suavizam traços angulosos e os modelos geométricos favorecem o rosto redondo.
Esqueça os chapéus glamourosos. Os anos dourados acabaram. Quanto mais casual o chapéu, melhor o efeito. Nada que pareça ter levado uma hora na frente do espelho, mesmo que este tempo tenha sido gasto. Simplicidade é o recado.
A melhor cor vai depender de cada pessoa. Para quem não quer o chapéu como destaque, a cor próxima do tom do cabelo, chama menos atenção e combina com todas as roupas. Os neutros também garantem menos notoriedade.
Chapéus com abas ficam melhor em cabelos curtos, médios ou presos. Modelagens sem aba como as boinas e bonés podem ser usados com cabelos longos e soltos.
Fonte:Portal Mulheres

1 comentários:

Nayara disse...

Mana OBRIGADÃO, viu?! Chapéu é mesmo um acessório um pouco dificil de ser usado: pode ajudar bastante no visual, mas também pode matar não é mesmo?!
Vou guardar no meu pc essa postagem, pois só agora despertei o interesse na compra de vários modelitos.
Agora já sei qual o melhor formato para o meu rosto, e no meu caso em que o dindim ($) é curto qual a melhor cor.
Menina, voce é muito gentil! Que benção.
Bjus, e mais uma vez obrigada!